segunda-feira, 30 de setembro de 2013

MUDANDO DE VIDA

Viagens, boas comidas. Tudo muito bom, inclusive a barriga que isso gera. Alguma coisa precisa ser feita e começamos hoje. As caminhadas não têm sido suficientes.
Resolvemos nos matricular na nossa academia, para praticar Kickboxing um tipo de arte marcial de combate em pé, utilizando-se de chutes (kick) e de socos (boxing).
O grupo começou com Sandra Carolina e Dayse. Hoje entramos Mirian eu e Regina.
Bastante exercícios. A coisa é puxada.
Fala a verdade, você acha que tem barriga debaixo dessa camisa  azul, para ser perdida?
Dá prá sair suado de lá. Mas vamos enfrentar. Quarta tem mais.
Vamos Dayse! Pregou?
O nosso professor é o dedicado Soldado Muniz.
Ele já havia ministrado aulas de jiu jitsu para os pequenos às 18 horas. Pegou a nossa turma às 19 e ainda vai trabalhar mais jiu jitsu com essa moçada até às 21:30h.
Quem assiste uma aula vê a grandeza dessa projeto. O Soldado Muniz merece todo o nosso respeito.
Certamente que o nosso 
Kickboxing terá uma adaptação. Mais exercícios aeróbicos e menos porradas.

CHÁ DE BEBÊ

Ou chá de fraldas. como queiram. Isso ainda é tradição aqui EMBELISARIO. Ontem fomos participar de um, a convite da amiga Janaina.
Seu irmão Samuel e esposa Renata prepararam uma primeira recepção para Maria Antônia que está vindo por ai. Deve chegar no próximo mês de outubro.
Demos alguns flashes nas pessoas presentes. Crislaine, à direita. mora em Muriaé e acompanha de lá o EMBELISARIO.  Ao seu lado Naiane e Anelise.
As tias, organizadoras do "chá"
              
Mais criança lambança.
Raiane é  irmazinha mais velha..
Raissa é a mais nova. Maria Antônia será a terceira da família.
Juan e Gabriel, `a direita. Ele adora ser fotografado.
A família mora em Muriaé.
Felicidades para o bebê!

Matéria de Mirian Paradela

A PASTORAL DA CRIANÇA EMBELISARIO

Belisário recebeu ontem dois integrantes da coordenação da Pastoral da Criança, no âmbito da Diocese de Leopoldina. Cirlene Mendes de Souza e Fábio Antunes Coelho, ambos residentes na vizinha Tocantins. Essa organização da Igreja Católica, tem uma belíssima missão e foi criada pela exemplar figura cristã, D. Zilda Arns, médica, irmã do não menos fantástico bispo Dom Paulo Evaristo Arns. Leia um pouco mais sobre isso no final da matéria.
D. Zilda faleceu em janeiro de 2010, em missão humanitária em Porto Príncipe, vítima de um terremoto quando proferia palestra visando introduzir a Pastoral da Criança naquele  país
Cirlene se mostra entusiasmada com o trabalho da Pastoral na Diocese, que tem abrangência sobre 35 municípios da região, aí incluindo Leopoldina, Cataguases, Além Paraíba, Muriaé, Miradouro, etc.
Através de pastorais espalhadas pelas diversas paróquias, fornecem atendimento a crianças de 0 a 6 anos, fazendo acompanhamento do peso, orientando as famílias quanto a alimentação, higiene, direitos e deveres, além da evangelização dos pequeninos. Afinal, Salomão já disse ""Ensina a criança o caminho que deve andar e ainda quando for velho, não se desviará dele.”(Provérbios 22:6).
"
Fábio é membro do Conselho Econômico da Pastoral na diocese. 
Tem mais gente envolvida no trabalho da Pastoral aqui na paróquia de Belisário. Ailton também é coordenador e é auxiliado por "Das Dores", Lúcia, Eliane.
Maria Leonídia Vital é uma batalhadora aqui  em Belisário, no apoio às crianças..
Famílias cadastradas e colaboradores da Pastoral.
" ... porque delas é o Reino dos Céus... (Lucas 18.6).
A visita teve também o objetivo de trazer 15 filtros para serem oferecidos para algumas famílias, fruto de doação de uma verba oferecida ao Bispo Emérito D. Diogo que a transformou em compra de filtros para doação nas paróquias da Diocese.
Um bolo foi oferecido ao final, servido com refresco.
Criança lambança...
Nenem e Ciro também colaboram com a Pastoral EMBELISARIO.;
Sempre que você quiser ajudar carentes EMBELISARIO, faça isso através da Pastoral da Criança, procurando Leonídia (Lindim).

Leia um pouco sobre a Pastoral da Criança:
Pastoral da Criança é um organismo de ação social da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, que tem como objetivo a promoção do desenvolvimento integral de crianças entre 0 e seis anos de idade em seu ambiente familiar e em sua comunidade. A sua atuação tem caráter ecumênico, atendendo pessoas de todos os credos e etnias.
Em 1982 o então Cardeal de São Paulo, Dom Paulo Evaristo Arns encontrou o diretor executivo da  UNICEF da época, James Grunt em uma reunião na Suíça sobre a paz mundial promovida pela ONU. Grunt sugeriu ao Cardeal uma ação da Igreja Católica brasileira para reduzir a mortalidade infantil..
A CNBB encampou a ideia. Para desenvolver tal projeto, D. Paulo convocou sua irmã, a médica sanitarista Zilda Arns, com o apoio do Dom Geraldo Majella Agnelo, na época Arcebispo de Londrina. O trabalho iniciou-se em 1983, na Paróquia  de São João Batista, município de Florestópolis, na Arquidiocese de  Londrina, no estado do Paraná. Este Município foi eleito por apresentar uma alta taxa de mortalidade infantil (127 crianças para cada mil nascidas). Após um ano de atividades, a mortalidade infantil foi reduzida para 28 crianças para cada mil nascidas.
Diante do sucesso, no ano seguinte, o trabalho da Pastoral da Criança se expandiu para outras regiões brasileiras com apoio dos bispos. Atualmente, mais de 260.000 voluntários acompanham o desenvolvimento de quase 1,8 milhões de crianças de 0 a seis anos e quase 94 mil gestantes em 42 mil comunidades pobres, de 4.066 municípios, em todos os estados do país.
Presente em mais de 40 mil comunidades ligadas a 7 mil paróquias das 272 dioceses e prelazias do Brasil, a Pastoral da Criança já se estende também a 19 outros países:1 :
Os voluntários da pastoral da criança, membros da própria comunidade, acompanham as famílias assistidas. Procuram orientar sobre seus direitos e deveres, buscando uma melhor qualidade de vida.

domingo, 29 de setembro de 2013

CAMPEONATO DE SINUCA EMBELISARIO

Aconteceu nesse domingo um campeonato de sinuca, no bar Esquina do Peixe, aqui EMBELISARIO. Foi empolgante e de ótimo nível técnico.
Foram 22 os inscritos, que jogaram na fase de classificação 11 jogos, após sorteio das duplas que se enfrentariam. O sistema foi o de "mata mata": quem perdia era eliminado. Cada inscrito pagou 5 reais para participar e o vereador Wolninho ofereceu os troféus.
Joãozinho Aredes, o proprietário, organizou a competição.
Entre um jogo e outro, os competidores tomavam umas cervejinhas ...
... com algum tira gosto.
Xoto e Pretinho são os favoritos.
Fernandinho eliminou Dimeão logo de cara.
Nessa Afonso se deu mal. Depois da ganhar a primeira, perdeu para Edinho na segunda fase.
Joãozinho também passou para a segunda fase.
Xoto também eliminou  o concorrente no "mata mata".

Na segunda fase Xoto eliminou Juvenil,. Foi para a semi-final.
Pretinho também passou, eliminando Fernandinho.
Depois da segunda fase ficaram classificados para semi-final: Pretinho, Xoto e Edinho. Xoto eliminou ambos. Já às sete e meia da noite o campeonato encerrou, ficando Joãozinho em terceiro. Na foto ele recebe o troféu das mãos do vereador Wolninho. 
E também 20 mil reais como prêmio, dinheiro esse levantado com a taxa de inscrição.
Edinho ficou em segundo.  Sandra Carolina também participou da organização do evento.
Levou 30 mil reais.
E o grande campeão foi Xoto.
Que levou 60 mil de prêmio.
Pensando bem, se cada um pagou 5 reais para participar, foram levantados apenas 220 reais. Nesse caso falei errado os prêmios. Por favor, retire a palavra mil. Um pequeno equívoco.

Foi muito legal. Parabéns aos organizadores.